Notícias

Prédios revestidos com algas

                                                                    China deve ganhar prédios retorcidos revestidos com microalgas

                                             A tecnologia da biofachada fornece isolamento natural, absorve dióxido de carbono e produz oxigênio

Huangzhou, na China, pode ganhar mais um projeto arquitetônico ousado. É que o estúdio francês XTU Achitects desenvolveu um projeto de quatro torres retorcidas de vidro. Até aí, tudo bem. O prédio fica ainda mais curioso por ter a fachada revestida de painéis com microalgas.

O edifício alto, de formato orgânico, compreende um centro de tecnologia francesa, centro de arte, alta gastronomia e programas de hospitalidade. Aninhado na beira de um lago, o edifício contempla uma série de estratégias sustentáveis, como um sistema de reciclagem de água e sua bio-fachada com algas.

Chamadas de French Dream Towers, ainda tem patente pendente, mas seu ousado projeto fornece isolamento natural e compensa o impacto ambiental do edifício ao absorver dióxido de carbono e produzir oxigênio.

As microalgas que crescem nos vidros podem ainda ser usadas para gerar energia renovável. No projeto as algas das torres ainda poderiam ser colhidas para uso em remédios ou cosméticos.

Veja as imagens:

Fonte: https://www.designboom.com/architecture/xtu-architects-building-hangzhou-05-01-2018/

Telefones: (11) 2476- 7021 | (11) 2476- 7479

sinbevidros@sinbevidros.com.br

Av. Paulista, 1313 - 9º andar - sala 906 A. Bela Vista - São Paulo/SP CEP: 01311-923