• sinbevidros

Apartamento RR




A descrição deste projeto de reforma deve iniciar pelo próprio prédio em que ele está inserido: de arquitetura brutalista, o edifício foi projetado em 1973 com apartamentos em estruturas modulares caracterizadas pelas repetições dos arcos de concreto ao longo dos espaços. Bastante particular, esta composição evidencia os caixilhos que sobem do piso ao teto em boa parte da sala e criam uma nuance entre estrutura e paisagem – dois elementos impossíveis de serem esquecidos na hora de se projetar os interiores.


A unidade havia passado anteriormente por uma reforma e todo o apartamento havia sido rebaixado com forro de gesso, o qual escondeu os arcos da estrutura. Nesta mesma linha, 80% dos caixilhos (piso-teto) também haviam sido tampados com gesso – os vidros fixos superiores e inferiores foram escondidos, permanecendo aparente apenas o vidro que abre como entrada de luz.


Na decoração do apartamento, a dureza do concreto aparente foi suavizada por elementos da natureza. Com a remoção do gesso e o aparecimento dos caixilhos, as copas das árvores em volta do edifício passaram a ser vistas de dentro da sala de estar. Em paralelo, a grande jardineira existente na inteira extensão da fachada principal permitiu a elaboração de um jardim praticamente dentro do apartamento, assim como o vidro que traz luminosidade e leveza nos ambientes. No interior, tons de verde, madeira natural e palha se juntaram para aquecer o concreto e trazer o externo para mais perto. As paredes brancas acrescentaram plasticidade à paleta de cores e dão ar de galeria de arte ao receberem a coleção de quadros dos proprietários.


O apartamento é uma homenagem ao Brasil, à sua natureza e à sua produção arquitetônica. É um flerte suave entre a Tropicália e o Brutalismo – dois movimentos que há tempos deram certo.




Fonte: https://www.archdaily.com.br/br/918981/apartamento-rr-studiolim?ad_source=search&ad_medium=search_result_projects




8 visualizações0 comentário