• sinbevidros

Deconcic divulga análise sobre as despesas das famílias com obras de construção e reformas



Levantamento inédito do Observatório da Construção com base em dados do IBGE traça perfil de gastos das famílias brasileiras com obras em diversos recortes sociodemográficos


A análise traz informações sobre as despesas das famílias brasileiras com obras de manutenção e reparo da moradia, e obras de construção e reformas entre os anos de 2008 e 2018, com base na Pesquisa de Orçamentos Familiares do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. As quatro dimensões analisadas são:

1. As informações demográficas do mercado, com as estimativas de números de residências que despenderam recursos com obras e sua localização geográfica;

2. Evolução das despesas com obras;

3. Distribuição das despesas e dos consumidores por classe de renda mensal; e

4. Evolução das despesas das famílias por porte das obras realizadas.

Principais destaques do estudo:

1. Em 2018, 21,4 milhões de famílias realizaram algum tipo de obra em suas moradias, correspondendo a 30,9% do total de unidades habitacionais no país;

2. O número de unidades que realizaram despesas com obras cresceu 0,8% ao ano entre 2008 e 2018, indicando o acréscimo de 1,7 milhões de novas unidades nesse período;

3. A despesa total com obras das famílias brasileiras alcançou R$ 86,765 bilhões em 2018;

4. A despesa anual per capita com obras caiu de R$ 559,90 em 2008 para R$ 418,94, indicando retração de 2,9% ao ano em termos reais.

Para acessar o material, clique aqui


Fonte: https://www.fiesp.com.br/observatoriodaconstrucao/noticias/analise-sobre-as-despesas-das-familias-brasileiras-com-obras-de-construcao-e-reformas-entre-2008-e-2018/

6 visualizações0 comentário