• sinbevidros

Expectativa das construtoras paulistas para os próximos meses cresce em agosto



A atividade das construtoras paulistas apresentou em julho seu quarto mês de recuperação desde abril, quando apresentou o menor índice do ano devido à segunda onda da covid -19. O nível de atividade em relação ao mês anterior cresceu 1,0 ponto, chegando a 48,7 pontos. Já a atividade em relação ao usual, que havia saltado para 54,7 pontos na pesquisa anterior, recuou para 48,7 pontos, ainda acima da média de 40 pontos que havia apresentando desde dezembro.


A evolução do número de empregados em relação ao mês anterior também foi destaque, passando de 47,7 para 52,5 pontos, ultrapassando a linha que demarca otimismo (acima de 50,0 pontos). A Utilização da Capacidade Operacional, por sua vez, recuou de 64,0% para 46,7.


As expectativas para os próximos seis meses tiveram expressiva recuperação em relação aos dados de julho, quando o setor apresentou maior cautela em suas perspectivas. O nível de atividade cresceu de 41,4 para 46,7 pontos. A compra de insumos e matérias- primas, por sua vez, registrou 52,1 pontos, acima dos 38,3 pontos observados na sondagem anterior, voltando ao patamar de otimismo.


A expectativa para novos empreendimentos e serviços nos próximos seis meses passou de 35,9 para 46,7 pontos, enquanto a intenção de aumentar o quadro de empregados saltou de 35,2 para 64,0 pontos – movimento importante e observado em todos os recortes de porte, mas especialmente nas grandes empresas. A intenção de investimento, por sua vez, apresentou estabilidade, ficando em 39,2 pontos.


As informações são da Sondagem da Construção do Estado de São Paulo, elaborada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) com apoio da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC).


Fonte: https://www.fiesp.com.br/observatoriodaconstrucao/noticias/expectativa-das-construtoras-paulistas-para-os-proximos-meses-cresce-em-agosto/


5 visualizações0 comentário